Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Sinfonia pode voltar

Ainda não existe nada certo, mas o evento Sinfonia das Águas, uma das boas coisas criadas pelo maestro Agenor Ribeiro na gestão do ex-prefeito Sebastião Navarro, pode voltar a fazer parte do calendário turístico da estância.

Com a colaboração do presidente da Câmara, Antonio Carlos Pereira, o maestro se reuniu ontem à tarde com o prefeito Sérgio Azevedo e a conversa, segundo Pereira, foi positiva.

Como se trata de um evento que marcou época e fez sucesso atraindo muitos turistas, a volta da Sinfonia seria uma boa medida da atual administração para alavancar novamente o turismo que está precisando de bons eventos para atrair visitantes.

No final da gestão passada, o prefeito Eloisio Lourenço suspendeu as edições do evento (ficou devendo para o maestro e para os músicos da orquestra) porque uma das apresentações tinha como convidado de honra o ex-governador Antonio Anastasia.

Coisa de petista sem noção. Por falar nisso, onde será que anda o João Deom(de?) ex-todo poderoso do DME, de triste memória? 

Meio de campo

A intermediação entre Carlos Mosconi e Geraldo Thadeu para que este desistisse da candidatura a deputado para não atrapalhar o outro teve como intermediário o empresário Fernando Marques, proprietário da indústria de medicamentos União Química, que é amigo da dupla. Geraldo desistiu e foi trabalhar na coordenação da campanha do empresário que é candidato ao Senado pelo Distrito Federal.

Futuro trio

Com a mudança da indústria farmacêutica de Pouso Alegre para Brasília o empresário ficou mais próximo de Geraldo Thadeu que teve participação ativa na escolha do terreno onde a indústria está instalada. Com isso estreitou ainda mais o relacionamento com o empresário com quem almoça pelo menos dois dias por semana em um restaurante chic na capital federal. Se Mosconi for eleito deputado voltará a residir em Brasilia e isso acontecer o restaurante pode arrumar mais uma cadeira para a mesa da dupla que vai virar um trio e um deles pode até virar senador.

Mal nas pesquisas

Segundo as últimas pesquisas, a situação dos candidatos Diniz Pinheiro e Rodrigo Pacheco, ambos apoiados por Anastasia, na luta pelas duas vagas do Senado vai de mal a pior. Os dois estão muito distantes dos primeiros colocados, a petista Dilma Rousseff e o apresentador de tv Carlos Viana que devem ficar com as vagas. Já quem está tranquilo é o suplente Alexandre Silveira que com a provável vitória de Anastasia, assumirá sua cadeira no Senado sem fazer nenhum esforço.

Sem agenda

Como o período de campanha nesta eleição foi reduzido, dificilmente haverá data para a ex-presidente e candidata ao Senado Dilma Rousseff visitar Poços. Ainda bem porque se vier será cobrada pelo calote dos R$ 200 mil que deixou de pagar na sua vinda a cidade para entregar máquinas e também pelos R$ 83 milhões que prometeu em 2013, em rede nacional para o seu amigo Eloisio, investir em obras de infraestrutura, dinheiro que nunca chegou a Poços.

Ex-companheiros

Ainda sobre Geraldo Thadeu. Depois da sua segunda derrota, quando perdeu a reeleição para a Câmara Federal em 2014, o ex-deputado decidiu mudar de turma, abandonou os companheiros e formou um grupo com meia dúzia de novos amigos. Como agora retornou para Brasilia, deixou a ver navios os novos companheiros que esperavam trabalhar na sua campanha.

Quarta-eira, na festa dos tucanos, pelo menos quatro ex-amigos que acompanharam o ex-deputado quando fundou o PSD, estavam presentes, firmes e fortes aplaudindo a tucanada. Um deles inclusive, fiel escudeiro do ex-deputado durante anos.

Sem tinta

A situação pelos lados da prefeitura parece que bateu mesmo no fundo do poço. Segundo informações de um motorista de van que trabalha com transporte escolar, os agentes de trânsito estão fazendo blitz para detectar os veículos irregulares e quando isso acontece, o motorista é multado. Ocorre que o Departamento de Trânsito não pode imprimir a multa porque a impressora do departamento está sem tinta.

Desperdício

E pensar que a administração técnica moeu R$ 60 mil com a contratação do decadente cantor Ed Motta no show de abertura da Julhofest e se prepara para gastar mais um bom dinheiro com a tal Festa à Mineira, uma imitação da Festa Uai, que por sinal acontece este ano no local de origem da tradicional festa.

Bom senso

Aliás, como o momento é de crise e a Festa Uai está de volta este ano no mesmo local de antigamente (atrás do Pálace Hotel), sem ajuda financeira do município, o prefeito marcaria pontos se cancelasse a tal Festa à Mineira, criada para substituir a Festa Uai, evitando o desperdício de dinheiro. Duas festas com as mesmas características quase ao mesmo tempo é no mínimo falta de bom senso e desperdício de dinheiro público. Fica aqui a sugestão.

Sem tinta

A situação pelos lados da prefeitura parece que bateu mesmo no fundo do poço. Segundo informações de um motorista de van que trabalha com transporte escolar, os agentes de trânsito estão fazendo blitz para detectar os veículos irregulares e quando isso acontece, o motorista é multado. Ocorre que o Departamento de Trânsito não pode imprimir a multa porque a impressora do departamento está sem tinta.

Desperdício

E pensar que a administração técnica moeu R$ 60 mil com a contratação do decadente cantor Ed Motta no show de abertura da Julhofest e se prepara para gastar mais um bom dinheiro com a tal Festa à Mineira, uma imitação da Festa Uai, que por sinal acontece este ano no local de origem da tradicional festa.

Bom senso

Aliás, como o momento é de crise e a Festa Uai está de volta este ano no mesmo local de antigamente (atrás do Pálace Hotel), sem ajuda financeira do município, o prefeito marcaria pontos se cancelasse a tal Festa à Mineira, criada para substituir a Festa Uai, evitando o desperdício de dinheiro. Duas festas com as mesmas características quase ao mesmo tempo é no mínimo falta de bom senso e desperdício de dinheiro público. Fica aqui a sugestão.

Bom começo

Os primeiros dias de campanha mostraram que a candidata a deputada estadual pelo PHS, Dra. Regina Cioffi ampliou em muito seu leque de apoios nessa eleição. Suas peças de campanha nas redes sociais também apresentam boa qualidade, a começar por um vídeo onde a candidata se mostra para os eleitores com muita simpatia, confiança e compromisso com as metas de trabalho caso seja eleita.

Um segundo vídeo exibe fotos com diversas lideranças que prometem apoiá-la nesta caminhada pela conquista de uma vaga na Assembleia Legislativa, entre as quais se destacam o oftalmologista Dr. Ernani e o pastor Ricardo Couto (fotos).

No mesmo caminho

Geraldo Thadeu veio de Alfenas para fazer sucesso na politica em Poços de Caldas. Seu companheiro de profissão (dentista) Eloisio Lourenço, fez o mesmo caminho, saindo de Alfenas, virou prefeito em Poços. O sucesso desta dupla formada na mesma faculdade, em Alfenas, talvez tenha inspirado  Pedro Alencar de Azevedo (nada a ver com o prefeito Sérgio), vai tentar a mesma sorte nesta eleição.

Pedrinho Minas Acontece, como é conhecido por conta do seu site “Minas Acontece”, sediado na cidade vizinha, transferiu domicilio eleitoral para Poços de Caldas e solicitou registro no Tribunal regional Eleitoral, da sua candidatura a deputado federal pelo PSL, o mesmo partido do presidenciável Jair Bolsonaro.

E fez mais, deu uma rasteira nos bolsonaristas de Poços, sendo indicado presidente da Comissão Provisória do partido na cidade, contra a vontade dos vereadores Carlos Roberto, Marcelo Heitor e Mauro Ivan, bolsonaristas que articulavam uma visita do presidenciável a Poços e até no radialista-internauta Walter Vianna, ferrenho defensor da candidatura do ex-capitão. Pedrinho passou a perna até no ex-delegado Carlos Camargo, que é cabo eleitoral do presidenciável e defensor da sua candidatura nas redes sociais.

Ou seja, Pedrinho Minas Acontece tem tudo a ver com seus dois antecessores alfenenses, embora tenha nascido em Goiânia e sua profissão esteja registrada no site do Tribunal Eleitoral como jornalista-redator, com curso superior incompleto. Para quem é do ramo, no mínimo estranho. Em todo caso, é mais um candidato “da terra”, assim como Carlos Mosconi e Maria Cecilia Opipari, a “Ciça”.

Pedrinho concorreu em duas eleições para vereador em Alfenas pelo PRB e não conseguiu se eleger, ficou na suplência. Já foi candidato a deputado federal pelo PRB e também perdeu. Agora concorre novamente a uma vaga na Câmara Federal pelo partido de Jair Bolsonaro (PSL) com domicilio eleitoral em Poços de Caldas.

Assim como Geraldo e Eloisio, Pedrinho pode se dar bem morando em Poços, mas será que se for eleito, vai lembrar o endereço onde reside?

Rodapé

Depois dessa, só lembrando o filósofo contemporâneo, Delmilton Vacarelli: vou morrer e não vou ver tudo.

POÇOS EM DEBATE 13 AGOSTO 2018

www.nacionalinn.com.br/                                                                                   

       www.cristaissaomarcos.com.br                                               

PT MUDA CANDIDATO AO SENADO

Após um tenso debate interno, o PT mineiro decidiu mudar o candidato à segunda vaga ao Senado e lançar o deputado federal Miguel Corrêa Júnior. Ele entra na vaga de Jorge Luna, tesoureiro da legenda registrado no Tribunal Regional Eleitoral na última quarta-feira.

CANDIDATURA PUBLICADA

O edital do registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio lula da Silva foi publicado nesta sexta no Diário da Justiça Eletrônico. Até agora, há sete contestações (impugnações) pedindo a rejeição do registro.

BONI NA CAMPANHA

José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, criador do padrão Globo de qualidade, será um colaborador gratuito na área de televisão na campanha de Geraldo Alckmin à Presidência.

A MELHOR SAÍDA

A escolha da senadora Ana Amélia (PP-RS) como sua vice deixou o presidenciável Geraldo Alckmin numa situação menos incômoda que tirava o sono de muita gente nas duas maiores emissoras do País, a Globo e a Record. Todos os partidos do ‘Centrão’ que apoiam Alckmin indicaram vices. Se ele escolhesse um nome do PRB – ligado à Igreja Universal e à Record – compraria uma briga gigante com a emissora concorrente. Foi estratégico. O tucano emitiu sinais de que não quer briga.

MAIORES CREDORES

O maior credor bancário da Editora Abril é o Bradesco com cerca de R$ 500 milhões. O segundo é o Itaú com perto de R$ 250 milhões e o Santander responde por pequena fatia.

DE OLHO EM CIRO

Se Ciro Gomes vencer a eleição, há temor de alta de consumo de bens nas lojas, em novembro e dezembro, da turma caloteira que divide no carnê e no boleto. É que Ciro promete tirar o nome do Serviço de Proteção ao Crédito.

PESQUISAS ANIMAM AÉCIO

As primeiras pesquisas de intenção de votos para Aécio Neves, ainda senador, candidato a uma cadeira na Câmara Federal, sinalizam que ele poderá ser o mais votado de Minas Gerais, podendo alcançar de 250 a 300 mil votos.

CUNHA PEDE VOTOS PARA A FILHA

Condenado e preso há um ano e nove meses pela Operação Lava-Jato, o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha divulgou carta pelas redes sociais para pedir voto para a filha Danielle Cunha, que concorre a uma vaga de deputada federal. Para isto, se comparou ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que defendeu ter o direito a concorrer ao Palácio do Planalto, e fez campanha pela eleição do candidato do MDB, o ex-ministro Henrique Meirelles.

EXPLORANDO A BOA VONTADE

O candidato ao Planalto do PDT, Ciro Gomes, acusou o PT de explorar a boa vontade da população brasileira ao insistir no discurso de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva será candidato neste ano ao Palácio do Planalto. “A burocracia do PT tenta explorar a justa gratidão de muita gente com o Lula, inventando que ele é candidato só para explorar a boa vontade do povo, que terá amanhã uma grande decepção, porque todas as pedras no caminho sabem que não vão permitir que ele seja candidato”, disse.

DILMA E VIANA NA LIDERANÇA

A ex-presidente Dilma Rousseff e o jornalista Carlos Viana são hoje os favoritos para ficar com as duas vagas do Estado em disputa para o Senado Federal nas eleições de outubro. É o que mostra pesquisa DataTempo/CP2.. O levantamento incluiu os 11 candidatos já confirmados ao Senado naquele momento. De lá para cá, outros quatro nomes também registraram suas candidaturas no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais.

R$ 1 MILHÃO PARA OS MORTADELAS

O PT e os movimentos sociais gastaram R$ 1 milhão para mobilizar a militância petista e leva-la a Brasília na manifestação que aconteceu na quinta-feira para marcar o registro da candidatura de Lula à presidência da República. O levantamento é da revista Cruzoé, que afirma que a cifra foi comunicada pelo ex-ministro de Dilma, Gilberto Carvalho na reunião interna do partido.

BARROSO CONCENTRA AÇÕES

O Tribunal Superior Eleitoral já começou a encaminhar ao ministro Luís Roberto Barroso as ações que contestam o registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República. O ministro Admar Gonzaga era relator de quatro processos apresentados de forma autônoma do registro de Lula, e pediu que a presidente da Corte, ministra Rosa Weber, determinasse a redistribuição. Até o momento, dois já foram enviados a Barroso, as ações do advogado e professor universitário Marcelo Feliz Artilheiros e do advogado Fernando Aguiar dos Santos.

CARRO APREENDIDO

A Justiça apreendeu um Porsche Macan do candidato do Podemos ao governo do Rio, Romário. O carro, avaliado em R$ 357 mil, segundo a tabela Fipe, foi encontrado no condomínio onde o senador mora, na orla da Barra da Tijuca. A apreensão aconteceu na terça-feira.

NAS ALTURAS

O litro do querosene de aviação, responsável por cerca de um terço do preço das passagens,  alcançou nesta semana o seu maior valor histórico pago pelas companhias aéreas no Brasil:  em torno de R$ 3,30, incluindo impostos.

DECISÃO É DA JUSTIÇA

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, disse que a decisão sobre participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições presidenciais do Brasil cabe à Justiça Eleitoral e não à Organização das Nações Unidas (ONU).

DME passa por Auditoria de Recertificação da ISO

Entre os dias 19 e 21 de junho, a DME recebeu a auditoria de supervisão e migração da NBR ISO 9001, realizada pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini. Os trabalhos iniciaram-se muito antes disso, com as tarefas e atividades de análise e preparação da Alta Direção, Planejamento Estratégico, Distribuição, Recursos Humanos, Suprimentos, Serviços Especiais, TI, Comercial, Laboratório, Projetos, Suprimentos e Ouvidoria.

A NBR ISO 9001 é uma norma de padronização para um determinado serviço ou produto. Esta norma faz parte do conjunto de normas designado ISO 9000 e pode ser implementada por organizações de qualquer tamanho, independentemente da sua área de atividade, e tem como objetivo melhorar a gestão, pois contribui para: Padronização de processos – A norma requer uma revisão dos processos internos para padronizá-los, isso reduz o retrabalho e aumenta a qualidade; Aumento da produtividade – a revisão dos processos torna-os mais eficientes, o que facilita o trabalho no dia a dia; Agregação de valor para os produtos e serviços – o selo de qualidade confere mais vantagens e credibilidade para o negócio nas relações com o mercado, clientes e fornecedores.

A DME possui certificação desde 2010. Após o encerramento da auditoria, a empresa obteve êxito novamente para manter a certificação, exigida pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), só que a partir de agora, na nova versão da norma.  A ISO 9001 passou a ser exigida com objetivo de se manter um sistema de gestão da qualidade, o que, por sua vez, garante que não haja desvios na apuração dos indicadores de qualidade do serviço prestado, que devem ser informados ao órgão regulador, dentre eles, os registros de duração e frequência das interrupções não programadas ao fornecimento de energia elétrica, condicionantes do contrato de concessão (DEC e FEC, respectivamente).

O certificado da DME possui reconhecimento internacional pela IQNET – The International Certification Network. O próximo ciclo de auditoria está previsto para junho/2019.

A importância do aleitamento materno

A Câmara de Poços realizará um ciclo de debates sobre a importância do aleitamento materno. As palestras, alusivas ao mês de reflexão e conscientização denominado Agosto Dourado, acontecerão na próxima quarta-feira a partir das 19h, no plenário do Legislativo.

Com mediação da nutricionista e coordenadora do Grupo de Apoio ao Parto, Amamentação e Maternidade Ativa Círculo Materno, Eliza Sampaio Quinteiro, o encontro abordará os seguintes temas: Benefícios e Obstáculos da Amamentação, com a enfermeira e consultora em aleitamento materno Maria Dorise Simão; Desafios da implementação da Lei Municipal 9.074/2015. que garante o direito às mães de amamentarem seus filhos em recintos de acesso coletivo, com a advogada e consultora em aleitamento materno Dra. Ana Paula Lanza; Conflitos de Interesse e proteção da Amamentação", com a relações públicas e coordenadora do Círculo Materno Beatriz Martins Câmara.

Além das palestras, a Câmara receberá a exposição "Amamentar", da fotógrafa Jeniffer Bueno. As visitas poderão ser feitas de 20 a 31 de agosto, das 12 às 18h, no saguão de entrada.

As atividades alusivas ao mês Agosto Dourado atendem a um requerimento do vereador Pedro Gonçalves Magalhães Júnior (PSDB). O parlamentar é, também, autor de um projeto que resultou na aprovação da Lei n. 9.200, instituindo o mês Agosto Dourado no âmbito do município de Poços de Caldas

Renato Braz e Quarteto Araçá no domingo

O projeto Composição Ferroviária faz sua última apresentação em 2018 com grandes atrações. A deste domingo, às 10h, na Estação Mogiana/Fepasa é Renato Braz, uma das referências no atual cenário da música brasileira. O cantor fará um apanhado de seus 15 discos autorais e muitas histórias vividas em sua trajetória pelo mundo.

Já a atração de abertura é o Quarteto Araçá, grupo de música instrumental brasileira com raízes no choro. É formado pelos poços-caldenses Otávio Quartier (clarinete e clarone), Jorge Viviani (violão de 7), Flávio Danza (cavaco) e Leo Brasileiro (pandeiro).

Os dois shows são gratuitos. A Composição Ferroviária é viabilizada pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura de MG, por meio do patrocínio do DME. Outras colaborações importantes viabilizam o projeto são as secretarias de Turismo e de Cultura. O evento já acumula 22 edições.

Salas de vacina abrem neste sábado

Hoje é Dia D Vacinação Infantil. Em Poços, as 21 salas do município estarão abertas para atendimento, das 8h às 17h. A ação faz parte de duas campanhas: a Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo e a Estadual de Atualização da Caderneta de Vacinação. Voltada para crianças entre um ano e quatro anos, 11 meses e 29 dias de vida, independentemente da situação vacinal.

Em Poços, a estimativa é de 7.500 crianças nesta faixa etária. As campanhas tiveram início no último dia 6 e seguem até 31 de agosto. “O atendimento neste sábado visa atingir o público que tem dificuldades em ir a uma sala de vacina durante a semana. Nossas equipes estarão de plantão e nós contamos com a presença dos pais, avós, tios, enfim, os responsáveis juntamente com as crianças, para fazer este trabalho da forma mais abrangente possível”, convocou o secretário de Saúde, Flávio Togni de Lima e Silva.

O alerta se faz necessário porque, segundo o Ministério da Saúde, no Brasil, a cobertura vacinal de crianças até dois anos, em 2017, foi a menor dos últimos 16 anos. A cobertura vacinal contra a poliomielite prevê doses aos dois, quatro e seis meses de vida, com reforços a partir de um ano e três meses e aos quatro anos. Já para o sarampo, a cobertura vacinal prevê duas doses: com um ano e três meses e outra até 29 anos. Quem não tomou as duas doses neste período, deve tomar a vacina até completar 49 anos. No entanto, durante o mês de agosto, conforme orientações da Secretaria Estadual de Saúde, somente as crianças estão sendo vacinadas.

Transmissão e Sintomas

Tanto sarampo quanto poliomielite são doenças infectocontagiosas. A polio também conhecida por paralisia infantil é provocada pelo poliovírus, transmitido principalmente pela via fecal oral e menos comumente por água ou alimentos contaminados. O vírus multiplica-se no intestino, podendo invadir o sistema nervoso central e causar paralisia. Os sintomas incluem: febre, fadiga, cefaleia, mialgia e dor nos membros. Não tem cura e pode deixar sequelas permanentes.

Já a transmissão do sarampo se dá por meio de secreções das vias respiratórias, podendo ser transmitida diretamente de uma pessoa à outra, por meio de tosse, espirro, fala ou respiração, ou também pela aglomeração em ambientes fechados. O sarampo apresenta como sintomas: febre alta, manchas avermelhadas em todo o corpo, congestão nasal, tosse e olhos irritados e pode causar complicações graves como cegueira, encefalite, diarreia intensa, infecções do ouvido e pneumonia, sobretudo em crianças com problemas de nutrição e pacientes imunodeprimidos. “A única forma de prevenir estas doenças é por meio da imunização. Na dúvida, os pais devem levar a caderneta de vacinação da criança a uma das salas de vacina para a conferência pela nossa equipe. É fundamental não ficar na dúvida, porque a imunização das crianças é essencial para mantermos a nossa população livre destas doenças”, concluiu Juliana Loro Ferreira, coordenadora da Vigilância Epidemiológica.

Tenha também o seu site. É grátis!